mardi 29 décembre 2009

mercredi 23 décembre 2009

Futilité


Cansei dessa futilidade escrota.

samedi 19 décembre 2009

Tatouage


Elle


jeudi 17 décembre 2009

Un autre


Ele a queria. Mas não da mesma forma que já tinha tido-a. Ele a queria de uma forma mais leve, pra beijar pelos corredores, como se seu corpo fosse o de uma bailarina num espetáculo pra umas poucas trezentas pessoas conhecidas, podendo utilizar-se de seu corpo pra projetar-se da escuridão daquele palco já caindo aos pedaços.
Ela tinha sorrisos tímidos. Já fora mais sua, agora ela era só aquele grande ponto de interrogação que era no íncio. Ele sempre teve loucura pelo seu jeito de não olhá-lo nos olhos e de como seus lábios se mexiam quando tentava falar de sentimentos. Mas percebia, muito bem, que não servia pra ela. Talvez tivesse servido, há dois ou três meses atrás. Não mais.
Para não perder o costume, agarrava a cintura de outras pelo corredor. Elogiava os sorrisos e olhos das mesmas. Beijava-as sem pudor, com seus olhos cor-de-mel e lábios entreabertos, sedentos por carne e alma.
Desde então, sempre deixou sua bailarina sozinha. Tentando redimir todo o esforço de estar sem um parceiro em cena, num palco caindo aos pedaços, para uns trezentos conhecidos.

samedi 12 décembre 2009

mercredi 9 décembre 2009

Fou


Duas das pessoas mais lindas do mundo.

samedi 5 décembre 2009

L'amour


Eu venho buscando o que isso realmente significa ultimamente.

Hoje eu tava no ônibus e um velhinho entrou. Quando ele pôs o pé na escada para subir o ônibus se infestou de um cheiro que eu já conhecia de longa data. Aquele senhor cheirava a literatura. Acho que esse é o cheiro do amor: literatura e livros antigos.

mardi 1 décembre 2009

Astral enfer


Inferno Astral: Eu tenho!

lundi 30 novembre 2009

Sourire


dimanche 29 novembre 2009

Féminité


(via @larizuda)

samedi 28 novembre 2009

Musique


jeudi 19 novembre 2009

Bière



Uma cerveja, duas cervejas, cinco cervejas, vinte cervejas
- É CACHACÊRA!
Dormiu com o copo na mão.
- É CACHACÊRA!
Vomitou todo o meu colchão
e acordou com a ressaca do cão

mardi 17 novembre 2009

lundi 16 novembre 2009

dimanche 15 novembre 2009

mercredi 11 novembre 2009

Absent commence par B



Às vezes eu me esqueço de te procurar a fundo em mim, perco-me da essência que me cerca. Eu tenho medo de te deixar, da mesma forma que desejo me desprender de toda necessidade que tenho de você. Eu que deveria ter errado menos e esquecido que sigo os seus mesmos princípios infantis. De qualquer forma eu acho maravilhoso ter alguém como você do meu lado. Eu espero que dure, que você se sinta da mesma forma que eu me sinto, porque é maravilhoso contar com alguém como você, mesmo.

lundi 9 novembre 2009

Bang Bang



They're changing all the time
changing your smille
changing your whole life
They think that all is no
way to bring alive
your soul so made of love
It's so hard to be like you
to taste like moon
to drink some run
to be so marvellous
they think you're fragile
but you hide genious
and now you're nude
The wind comes closer
and dye your hair green
they think they can ever
fake you don't win
And now the same wind
bring you into my arms
I hear he's saying
"take care of my bright"

Canção Verde
É tanto amor dentro de mim (:

Quelle âme est d'environ


(via © Katogi Mari)

mardi 3 novembre 2009

La lourdeur de Milan Kundera



Eu não aguento mais. Eu quero sair, fingir que tá tudo bem, me apoiar em vícios, ficar do lado de quem eu amo e me livrar de tudo isso. Tem um peso enorme sob os meus ombros e eu não consigo tirá-lo deles. Eu tô com medo, eu preciso de alguém pra me abraçar, preciso de gente que realmete se importe comigo, preciso de força, eu tô me sentindo frágil e eu odeio me sentir frágil.
Quero que essa porra termine logo. Seja lá como for.

vendredi 23 octobre 2009

Conseils


Aceito dicas de como fazer com que a mãe dos outros goste de você.

jeudi 22 octobre 2009

mardi 20 octobre 2009

dimanche 18 octobre 2009

Corps


vendredi 16 octobre 2009

jeudi 15 octobre 2009

mardi 13 octobre 2009

lundi 12 octobre 2009

Né léger



"Ai, Bia, é porque quando nós nascemos nós viramos luz"

vendredi 9 octobre 2009

Félicité


samedi 3 octobre 2009

Tournesols


Me sinto quase desfeito
de te ter tão grudada no peito
com seus sonhos aos pedaços
e suas aflições em estilhaços
E eu tento não esquecer
de pensar duas vezes, só em você
e não me importo com lágrimas
contanto que não sejam lembradas
E talvez eu até me lembre
que sou um tanto dependente
dos seus sorrisos, abraços
e no mundo não há espaço
Pros seus sonhos só de ida
seu peito cheio de vida
seu desespero não entendido
seu coração, quase despido
Não que você seja diferente,
só chacoalha a sua mente
quando amor exalar de seus poros
e disilusão dos seus olhos
Mas você vai estar,
por mais que não queira acreditar,
grudada no meu peito
bem longe do seu leito.

Peau


lundi 28 septembre 2009

Rouge


mardi 22 septembre 2009

Filles


lundi 21 septembre 2009

Orgasme


dimanche 20 septembre 2009

L'ouverture de votre menthe




1. Qual seria a sua idade se você não soubesse quantos anos você tem?
2. O que é pior errar ou nunca tentar?
3. Se a vida é curta, porque fazemos muitas coisas que não gostamos e gostamos de muitas coisas que não fazemos?
4. Quando tudo foi dito e feito, você disse mais do que fez?
5. Qual é a coisa que você mais gostaria de mudar no mundo?
6. Se felicidade fosse a moeda nacional, que tipo de trabalho o tornaria rico?
7. Você está fazendo o que você acredita ou você está regularizando o que você está fazendo?
8. Se a média de vida humana fosse de 40 anos, como você viveria sua vida?
9. Até que nível você acredita que controlou o curso que sua vida tomou?
10. Você está preocupado em fazer as coisas corretamente ou fazer as coisas certas?
11. Você está almoçando com três pessoas que respeita e admira. Eles começam a criticar um amigo próximo, sem saber que você é amigo dele. O criticismo é estranho e injustificável. O que você faz?
12. Se você pudesse dar um conselho para uma criança que acabou de nascer, qual seria?
13. Você quebraria uma lei para salvar uma pessoa que ama?
14. Você já viu insanidade onde depois você viu criatividade?
15. O que é aquela coisa que você sabe que faz diferente da maioria das pessoas?
16. Quais são as coisas que te fazem feliz, mas não fazem todo mundo feliz?
17. Qual é a coisa que você ainda não fez e que gostaria de fazer? O que te impede?
18. Você está se segurando em alguma coisa que você precisa se desfazer?
19. Se você tivesse que se mudar para um estado ou país além daquele que você mora, para onde você iria e por quê?
20. Você aperta o botão do elevador mais de uma vez? Você realmente acredita que ele fica mais rápido?
21. Você prefere ser um gênio preocupado ou um simples pateta?
22. Porque você, é você?
23. Você é o tipo de amigo que você quer como amigo?
24. O que é pior, quando um grande amigo se muda, ou perde contato com um grande amigo que mora bem perto de você?
25. Pelo que você é mais grato?
26. Você prefere perder todas suas velhas memórias ou nunca ser capaz de ter novas?
27. É possível saber a verdade sem desafiá-la primeiro?
28. O seu pior medo se tornou realidade?
29. Você se lembra aquela vez que você ficou extremamente chateado há 5 anos atrás? Isso realmente importa agora?
30. Qual é a lembrança mais feliz da sua infância? O que a torna tão especial?
31. Em qual fase no seu passado recente você se sentiu mais apaixonado e vivo?
32. Se não agora, quando?
33. Se você não alcançou aquilo que procura ainda, o que você tem a perder?
34. Você já esteve com alguém, não disse nada, e saiu sentindo que teve a melhor conversa da vida?
35. Porque religiões que apóiam o amor causam tantas guerras?
36. É possível saber, sem dúvidas, o que é bom e o que é mal?
37. Se você ganhasse um milhão de dólares, você pediria demissão?
38. Você prefere ter menos trabalho para fazer, ou mais trabalho sobre o que gosta de fazer?
39. Você já sentiu que viveu um dia 100 vezes antes?
40. Quando foi a última vez que você andou na escuridão com apenas uma pequena faísca que você realmente acreditava?
41. Se você soubesse que todo mundo que você conhece fosse morrer amanhã, quem você visitaria hoje?
42. Você diminuiria sua expectativa de vida em 10 anos para de tornar alguém famoso?
43. Qual é a diferença entre estar vivo e realmente viver?
44. Quando é a hora de parar de calcular risco e recompensas, e simplesmente seguir em frente e fazer o que acredita ser correto?
45. Se nós aprendemos com nossos erros, porque estamos sempre com medo de cometer um erro?
46. O que você faria de diferente se soubesse que ninguém iria te julgar?
47. Quando foi a última vez que você percebeu a som da sua respiração?
48. O que você ama? Alguma de suas ações recentes abertamente expressou esse amor?
49. Daqui há 5 anos, você irá se lembrar do que você fez ontem? E um dia antes? E outro dia antes?
50. Decisões estão sendo feitas agora. A questão é: Você está fazendo-as por si mesmo, ou está deixando que outros as façam por você?

Croûte



tem essa crosta, essa camada brilhante e colorida que faz as pessoas terem tanta vontade de te tocar. você é daquele tipo de pessoa que precisa desses cuidados extremos, que tem um coração despido e uma alma em preto e branco. é quase inteiramente a base de uma andorinha que conheço, ela é até bem parecida com você.
de qualquer forma eu smpre tento quebrar com os dentes essas crostas coloridas. vocês tem aquela fumaça que preenche meus pulmões com tanta paixão.

Féminisme



Fumée

Invraisemblable

Rêves



mercredi 26 août 2009